O Deus Que Responde




“Eu te invoco, ó Deus, pois Tú me respondes; inclina-me os ouvidos e acode às minhas palavras” Sl 17:6


Wilma Rejane

Hoje pensei em escrever algo breve,  sobre a importância da oração em nossas vidas. Houve um período em que procurei uma fórmula, uma maneira de ser ouvida por Deus de modo que Ele me devolvesse à visão do olho direito. Bem, eu queria isso, e na Bíblia, estava relatado que muitos cegos voltaram a ver, por que não aconteceria comigo? O que eu não sabia, e precisava aprender, era que não existiam fórmulas mágicas e que para cada pessoa Deus tinha um plano. Assim, o que funcionou para o cego Bartimeu, poderia não funcionar comigo.

Deus sempre ouve , mas  nem sempre compreendemos  as respostas vindas do alto, principalmente quando um silêncio inquietante paira sobre seu “problema”. É eu tinha um problema! E ele parecia ser maior que o mundo! E eu queria resolvê-lo! O que eu não sabia, era que EU precisava diminuir até o pó, para ouvir Deus. A resposta não seria igual à dada ao cego de Betsaida, ou a Bartimeu, mas era o que Deus em Sua eterna sabedoria havia escolhido. Ele tinha a resposta. Não eu. E foi nesse processo de cura interior que li a história do apóstolo Paulo. Que tremenda Palavra! Ela foi como o fogo a queimar em meu peito.

“E para que não me ensoberbecesse com a grandeza das revelações, foi-me posto um espinho na carne, mensageiro de Satanás para me esbofetear a fim de que não me exalte. Por causa disto, três vezes pedi ao Senhor que o afastasse de mim. Então, Ele me disse: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa nas fraquezas, para que sobre mim, repouse o poder de Cristo.” II Cor 12:7-10.

Assim, pude enfim descansar. Paulo, o apóstolo, tinha orado três vezes! O que Deus respondeu não foi o que ele queria, mas precisava! Nunca mais orei para ter a visão de volta, a oração que saiu de meus lábios após ser tocada profundamente pela experiência de Paulo foi :“Senhor, se não vais me restituir a visão, daí-me força para suportar esse espinho, e que a Tua graça seja meu tudo, e a Tua vontade o centro de minha vida, amém.”

Uma paz indescritível invadiu minha alma,  desde então, não sofri mais pelo “espinho”. Compreendi que nem todo cego voltará a ver, nem todo paralitico voltará a andar, mas que Deus sempre ouve e responde orações e Sua vontade é o que de melhor há, a restituição virá e será abundante em muitas áreas de sua vida. Porque a felicidade, não está em realizar o que queremos, mas no que Deus planejou para nós.

Aprendo que ansiedade e o sofrimento vêm sobre nós, quando queremos o que não temos e o que temos não nos satisfaz. Quando somos imediatistas e nos espelhamos no humano. Deus tem todo poder para transformar sua “derrota” no principal motivo de sua vitória, aleluia!  Ele faz de fracos fortes, do monturo, ergue o necessitado. Paulo, sem o espinho, não teria sido Paulo, mas Saulo: o infeliz perseguidor de cristãos. Não estou a dizer que todos nós temos que sofrer, mas que os motivos de suas lágrimas de hoje, podem ser o de seu largo riso amanhã.  Não foi assim com José do Egito? Rainha Esther? Jacó? Moisés? A lista é bem grande, mas a lição é a mesma: Deus não desampara jamais, os que Nele confiam e Sua  principal obra é a transformação do homem para Salvação.

12 comentários:

Bruno Herculano disse...

Benção sua reflexão!
Estou atravessando um momento difícil em minha vida, estou sem voz, suas palavras edificara-me nesta manhã...
Que Deus continue te inspirando...
Fique na paz!
Peço sua autorização para publicar a mensagem em meu blog, claro com os devidos créditos.
Abraço.
Pr. Bruno Herculano.

Sandrinha disse...

Wow...era tudo que eu precisava ler hj.
Deus abençoe grandemente!

Cláudio Nunes Horácio disse...

Que texto maravilhoso mana. A sabedoria de Deus a nos proteger até mesmo de nossos pedidos de socorro é inefável. Graça mana, tudo é graça do nosso bom Paizão, o Eterno. Paz e bem.

andreza disse...

Que benção,

Deus cuida de nós,este que nos prometeu que até a cães no recolheria para Ele,o seu amor e para sempre e sempre,que não importa as circunstâncias o poder Dele se aperfeiçoa em nós e sua graça nos basta.Deus é contigo

andreza

Blog Desafiando Limites disse...

lindo testemunho, amada.

eu tb já aprendi algo parecido, mas seu post me ensinou mais ainda.

um gde abço.

ps. meu blog tá com problema de junta... ops, de servidor. Estou vendo o q fazer, mas amanhã já deve - espero - estar solucionado.

Mulheres INDO disse...

EU VIM SEU RECADO EM UM OUTRO BLOGS, VC ESTÁ TÃO DIFERENTE, FICA COM DEUS. VC E LINDA DE TODO JEITO.KKK PAZ AMADA.

Wilma Rejane disse...

Oi Bruno!

Fico feliz em saber que foste edificado e já está autorizado, irmão.

Deus o abençoe.

Wilma Rejane disse...

Oi Sandrinha!

Deus a abençoe, mana.

Wilma Rejane disse...

Oi Claúdio!

Fiz o texto pela manhã, logo após a oração e ao escrevê-lo também fui edificada: Maravilhosa graça, não é?

Fui para universidade, e só agora cheguei para moderar os comentários. E quanta graça ! Muitos comentários!

Obrigada Cláudio! Deus o abençoe.

Wilma Rejane disse...

Oi Andreza!

O sofrimento produz em nós aprendizado,não é mesmo? É importante encontrarmos propósitos de Deus em meio ao deserto.

Obrigada mana.

Deus a abençoe.

Wilma Rejane disse...

Oi Wally!

Tive alguns problemas após a mudança de "blogspot" para ".com", as visitas ainda não regularizaram, mas confio no Senhor que é só uma questão de tempo.

Torço para que soluciones o mais rápido possível, seu blog é benção e eu sou sua fã (risos), sabes, né?

Deus o abençoe hermano.

Wilma Rejane disse...

Olá mulheres indo!

Obrigada pelo linda, viu? Quando me dizem isso, logo penso: "Ô, Ô, será que estão enxergando bem?". Irmã, você olhou bem direitinho (risos).

Deus abençoe o ministério de vocês e voltem sempre, tá?

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...