A Arribação dos Pássaros e Renovação da Vida

Sempre haverá outra estação, colha as flores, sinta o perfume .


Wilma Rejane

É estranho como seres tão pequeninos como os pássaros podem guardar lições tão grandiosas. Escolhi falar sobre eles, porque nesses dias, a mensagem que as aves me transmitiram curou minha alma. Quem sabe, curará a sua.

Quando passares por dias atribulados,  lembre-se desse versículo: “Não se vendem dois passarinhos por um ceitil? E nenhum deles cairá em terra sem a vontade de nosso Pai” Mt 10:29. Um ceitil é muito pouco, uma quantia tão insignificante que equivale em moeda atual a um sexto de real (R$ 0,16). O que você compraria com esse valor? Talvez alguns bombons. Pássaros são vendidos em mercados negros, aprisionados em gaiolas, mortos, mas Deus tem a conta de cada um deles. Ele sabe, quando um bonito canto de sabiá é calado pelo opressor.

Ele sabe, quando você e eu estamos precisando revoar de uma situação à outra. Quando os pássaros estão sofrendo em determinados ambientes eles migram para outro. É um belo espetáculo a “revoada de pássaros”, um mistério ainda para a ciência que procura desvendar porque apenas algumas espécies cometem essa fuga. Comparando homens a pássaros, descobriremos que o mistério pode ser ainda maior: Por que alguns de nós superamos derrotas e outros não?


Quero ser como os pássaros migratórios citados pelo profeta Jeremias: “Até a cegonha do céu conhece os seus tempos determinados; e a rola, a andorinha, e o grou observam o tempo de sua arribação...” Jeremias 8:7 e o profeta prossegue: “mas o meu povo não conhece o juízo do Senhor”. Se o povo conhecesse, agiria como os pássaros, não como homens sem entendimento. É fantástico saber que a rola, a andorinha e o grou, estão no rol dos pássaros migratórios! Para Deus, nada há encoberto! A ciência com grandes esforços selecionou pássaros que migram e/ou não. Mas Deus? Já os conhecia. Por quê? Porque estes pequeninos seres não são despercebidos dos céus. Como eu e você podemos ser?

Os pássaros migram geralmente para explorar novas fontes de alimentos e para escapar de condições adversas durante o inverno nas áreas de reprodução. Esta estratégia, apesar de parecer perigosa, é muito benéfica para os pássaros, pois eles podem escapar de situações perigosas e conseguir alimentos em outros lugares.”

O que nos provocou tremenda tristeza e dor pode ser superado. Por qualquer que seja o motivo, inclusive: se nós mesmos formos os culpados por tal sofrimento. A cruz, o amor de Jesus nos redime. Ao olharmos para ela com arrependimento, encontraremos perdão. E confiantes,  revoamos em busca de novas fontes de alimento:  com o inverno, para o verão ou quem sabe primavera.  É preciso voltarmos a cantar como os pássaros, e viver como pessoas especiais para Deus. Filhos que Ele jamais abandona, esquece. Onde estamos nesse momento? Por quê? O que precisamos fazer para superar?  Deus falou ao meu coração, através dos pássaros: "Sempre haverá outra estação, colha as flores, sinta o perfume ".

Nem sei o quanto eu e você nos acomodamos em certos lugares, até percebermos que “outras estações” estão a nossa espera.  Que Deus te abençoe e te mostre a direção da revoada.

Deus nos abençoe.

2 comentários:

Nelma dos Reis disse...

Obrigada pelo Post, falou muito ao meu coração. Abraços

Wilma Rejane disse...

Oi Nelma!

Se Jesus sustenta os pequeninos pássaros, fazendo-os cantar e cantar a cada amanhecer e revoar pela sobrevivência, não sustentaria a nós?

Deus a abençoe.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...