Ele não abandonou a fé...

Olhe através das frestas de luz desse cortiço escuro e apertado e enxergue o futuro no horizonte



Wilma Rejane

" Pois eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra " Jó 19:25

O livro de Jó traz um dado curioso, a palavra esperança aparece mais do que em qualquer outro livro da Bíblia. Quais seriam as esperanças de um homem arrasado por um turbilhão de acontecimentos catastróficos? Morte dos filhos, perda dos bens e da saúde. Solidão e dor. Como olhar para um futuro próspero, com o presente destruído? Jó fora consolado por sua esperança, uma expectativa cultivada por ele mesmo, porque ninguém mais foi capaz de lhe proporcionar tal consolo.

Jó tinha convicção de que apesar dos dias de luto, e da incompreensão do sofrimento que lhe sobreveio, Deus poderia mudar sua sorte. Assim, ele apela para o tribunal Divino, quer ouvir de Deus uma sentença de libertação da dor, e mesmo quando fala na morte mantém a esperança na misericórdia Divina. Ele retira forças da dor e declara que a morte não o vencerá, sua esperança se cumprirá.

Os ecos do mundo

Jó: “Onde está a minha esperança? Quem poderá ver alguma esperança para mim? (17:15).


Quantas pessoas hoje não vivem ou já viveram situações semelhantes a de Jó? De sofrimento profundo, perdas de pessoas amadas, status social, amigos, bens. Deus deixou que a história de Jó fosse escrita e conhecida para devolver ânimos e esperança aos que atravessam vales escuros. Jó se agarrou a esperança, como um náufrago se agarra ao bote salva vidas. Ele conservou a fé na fidelidade Divina, mesmo quando os martelos da sentença de morte ecoavam em seus ouvidos.

O livro de Jó foi escrito, inclusive, para nos ensinar sobre esperança. Olhe através das frestas de luz desse cortiço escuro e apertado e enxergue o futuro no horizonte. Firme-se em Deus e confie em Sua Palavra que é Bálsamo para os humilhados. Há um Salmo que diz: “ Nas Suas mãos estão as profundezas da terra, e as alturas dos montes lhe pertencem” Salmo 95:4. Deus está nos lugares altos e baixos, conosco na alegria e na tristeza.

No livro de Jó podemos encontrar respostas para o que não temos respostas. Jó não compreendia que estava sob ataque de Satanás, também não sabia que naquele redemoinho, estava Deus, poderoso para trazer de volta, porção dobrada do que havia perdido. Mas nós sabemos de todas essas coisas, porque estão escritas. E para quem foram escritas? Para os que sofrem, e que a exemplo de Jó, procuram ser fies e obedientes a Deus. Para estes a esperança não deve morrer.

Deus o abençoe

4 comentários:

Vanderleia disse...

Louvado seja Deus, que texto lindo amada.
Jamis perder a fé mesmo a tantos sofrimentos!

Josú Barroso disse...

Forte!

Tarcísio Müller disse...

Muito bom. Deus continue inspirando e abençoando. A paz de Cristo.

evelyn gomes disse...

Amém! Glória a Deus por esta mensagem! Esperar em Deus, sempre!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...