Há Esperança No Vale de Acor



Acã foi um israelita que em rebeldia a Deus praticou o pecado do roubo, então ele e toda sua família, como em um ato de purificação da congregação, foi apedrejado. O local do acontecimento ficou marcado para sempre sendo rebatizado de “O Vale de Acor”. Acor, significa problema. Todos que passassem por ali apontariam para o “problema, o pecado de Acã” (Js 7:26).

O Vale de Acor é real, ele existe até os dias atuais, entre as terras de Benjamin, ao Sul de Jericó e é um dos caminhos que dá acesso à Terra Prometida. Acor é um memorial, não de ira, maldade, ou morte, mas de esperança. Porque o próprio Deus, em Sua misericórdia e bondade, fez saber através do profeta Oséias que Acor, é um estado de espírito que pode ser convertido: “E lhe darei as vinhas dali e o Vale de Acor, por porta de esperança; e ali cantará, como nos dias de sua mocidade e como no dia em que subiu a terra do Egito” Os 2:15.

A palavra esperança nesse verso é traduzida como “tiqvah”: Expectativa, algo desejado e previsto ansiosamente, vem do verbo” gavah”: “olhar esperançosamente” numa direção particular. É maravilhoso saber que em seu significado original, esta esperança, citada tantas vezes na Bíblia tinha o sentido de “esticar como uma corda, cordão”. Raabe foi instruída pelos espias, a amarrar um “tiqvah” na sua janela como uma corda de resgate. Raabe foi resgatada com toda sua família.

A esperança, em Cristo Jesus, internalizada pela meretriz Raabe, foi motivo de grande salvação. Aqui a mensagem do Evangelho aponta para a restauração: Acã e toda a família foram mortos no Vale de Acor. Raabe e toda a família foram salvos pela “tiqvah”, pela “porta da esperança”. Jesus é o que garante a transformação de vales de problemas, dor, pecado, vergonha, em memoriais de esperança, Ele é quem nos atrai com cordas de amor eterno para uma direção particular, onde reine o amor, a paz, e a alegria.

O Vale de Acor remonta a uma linda história de conversão. Tão real quanto o amor  que Deus sente por todos nós. Se você se identifica com o Vale dos problemas, te convido a esticar um cordão escarlate na porta do teu coração, assim como Raabe. Esta esperança, revestida de fé, será a vossa luz. E então, no lugar da vergonha, ser-lhe-a dado dupla honra. No lugar da condenação, salvação. Acor ficará para trás como um lugar deserto. Jesus é esta corda de resgate, pronta para alçar vidas. Segure-se a Ela.

Wilma Rejane

4 comentários:

Fratermaurício disse...

Caríssima, que graça maravilhosa, a de nosso Deus!
Trocar o vale de problemas, pelo Vale de Esperança! Um estado de espírito tão cheio de problemas, confusões, que pode ser convertido em esperança! Ora seja! Tão somente nosso Deus,para reverter uma situação como esta! Aleluia!
Parabéns pelo post! Falou muito ao meu coração e, creio, alcançará outros também! Deus a abençoe grandemente!

GERAÇÃO ELEITA disse...

Palavra maravilhosa, nosso deus é um Deus de Esperança. A palavra de Deus nos afirma que há esperança para os feridos. Seja abençoado esta palavra renovou o amor de cristo pela minha vida e meio as tribulações que tenho vivido.

rosana lova disse...

Ah que palavras maravilhosa minha amiga querida....me emocionei poe demais....te amooo em Cristo. ..bjinhos com carinho. ... Rô

Anônimo disse...

Acã foi morto, ele e toda a sua família apredejado e queimado pois desobedeceu a Deus, trouxe para casa as coisas condenadas (Josue 6:18), violou a aliança! O Vale de Acor representa a quebra desta aliança, quem desobedece não herdará a terra prometida e tbem representa esperança, aquele que OBEDECE a sua palavra, terá a terra que mana leite e mel! então bora obedecer a Deus...

Catia Friesen

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...