terça-feira, 13 de maio de 2008

Videira Verdadeira I

Baseada nos primeiros versículos de João 15 (1-7),procurei fazer uma pesquisa minuciosa sobre a videira. Certamente uma melhor definição da planta e seu cultivo me levaria a uma melhor interpretação do texto Bíblico. Confesso que de todas as plantas pesquisadas, a videira foi a mais difícil de ter as informações compactadas em estudo primeiramente pelo grande número de informações encontrados, depois pela complexidade de seu cultivo. Tentarei contudo, ser o mais objetiva possível, a fim de facilitar a leitura o estudo foi dividido em duas partes.

"Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador" João 15:1

Existem as videiras de origem Européia e Americana. Dentro desses dois gêneros de videiras existe uma grande diversidade de tipos, apenas a videira vinífera ou "Vitis vinifera" é apropriada para o vinho. Ela produz o fruto com teor de açúcar e elementos ácidos em proporções ideais para se chegar a um bom vinho. As demais, americanas, têm baixo teor alcoólico e aroma desagradável, por isso são chamadas uvas de mesa e originam vinho de má qualidade.


Portanto, apenas a "Vitis vinifera" dá origem a um bom e puro vinho. Atualmente as videiras híbridas, provenientes da vitis também são consideradas de boa qualidade.

"Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto para q
ue dê mais fruto" João 15.2.
Jesus certamente conhecia à pratica de cultivo de videiras. Videiras naturalmente criam galhos infrutíferos que precisam ser removidos para não prejudicar a produção de outros galhos. Os galhos que não dão frutos são retirados, assim permitem uma melhor circulação nos galhos mais frondosos, o método produz um aumento na qualidade das uvas e melhora a produtividade da videira.

Cristãos genuínos frutificam naturalmente, como na parabóla do semeador: "Dão fruto um, a trinta outro, a sessenta, e outro a cem por um(Mc 4:8). Os que não frutificam estão na parabóla da videira tal qual o servo que enterrou o talento: "Tira-lhe pois o talento e dai ao que tem dez talentos, a qualquer que tem ser-lhe-á dado em abundância, ao que não tem, até o que tem ser-lhe-á tirado"(Mt 15:28-30).

"Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado. Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim" (João 5:3-4)

Não era comum a utilização do método de enxerto na época de Cristo,era sim uma raridade. Para se obter novas videiras, enfiava-se os galhos mais velhos no solo que davam origem a uma nova planta, mas devido a uma grande devastação em videiras ocorrida entre 1865 e 1885, o método se difundiu sendo até hoje o mais utilizado. O responsável pela devastação nos vinharais da Europa foi um minúsculo inseto, medindo não mais que um milímetro, chamado Plyloxera. Esse inseto se aloja na raiz da planta destruindo-a por completo. Apenas o enxerto torna a videira imune ao filoxera. Videiras contaminadas pelo filoxera, têm morte certa.

O PECADO E A VIDEIRA
Lembram das raposinhas responsáveis pelo estrago das vinhas?(Ct.2:15), um minúsculo inseto faz um estrago fatal. Assim é o pecado na vida do cristão, compromete a raiz, o alicerce, causa definhamento espiritual.

JESUS, EXTERMINANDO O FILOXERA

"Se vós estais limpos, pela palavra que vos tenho falado" estás em Cristo, és nova criatura, uma videira limpinha produzindo bons e saudáveis frutos!! Só Cristo!! Nós somos as varas enxertadas
e ao mesmo tempo amparadas e totalmente dependentes da videira mãe para viver. Com enxerto, combate aos males (filoxera), sem enxerto, morte certa.

VARAS LIMPAS

É impossível ficarmos limpos por nós mesmos, também é impossível que não pequemos nunca, porém, existe uma saída para os que estão enxertados: "Aquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que, nele fôssemos feitos justiça de Deus"(2 Cor 5:21) Há vida na videira, uma generosa vida que é doada à todos os seus ramos.

Fontes:
glosk.com;
winexperts.terra.com.br;
lusofia.com;
tudosobreplanta.com.br;
biolde.org.br;
silesdacapital.com.br
Bíblia Sagrada, Almeida, Revisada e corrigida SBTB.

2 comentários:

Natalicio Souza disse...

O proposito da vinha é produzir uvas, o proposito da uva para DEUS é produzir vinho, o proposito do vinho é alegrar. DEUS toma o povo de Israel como uma vinha que por sinal era muito cuidada, pois ele a plantou, construiu muros ao seu redor ou seja a protegeu, alem de construir uma torre no meio dela para ser bem vigiada, com tudo isso a vinha produziu uvas bravas. Is.5:1-10,
Amada a sua observação é muito boa, pois não são todas as videiras que produz o bom vinho. Israel sendo videira não pode produzir o vinho que traria a alegria ao SENHOR, JESUS se apresenta como "a videira verdadeira" a unica que pode produzir a boa uva, o bom vinho e trazer em fim alegria ao lavrador. nós porem eramos espinheiros não produzíamos nada alem de espinhos, pela graça de JESUS fomos arrancados do solo infértil que é o mundo e fomos enxertados no SENHOR JESUS "a videira verdadeira" agora ele nos tornou ramos seu, sendo assim devemos produzir bons frutos para afim de que pós-samos alegrar também o Pai celestial servindo a ele com todo amor com todo fervor através do ESPIRITO SANTO.

FABIOLA BABO disse...

Amei o comentári irmão Natalicio Souza!Muito esclarecedor!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...