Podem os psicopatas serem salvos?




Wilma Rejane


Esse é um assunto intrigante sob o ponto de vista teológico:  Uma vez que a salvação acontece mediante o arrependimento, fruto do reconhecimento do pecado, como se daria a salvação de um psicopata se estes sofrem de ausência de culpa, sentimentos de compaixão e arrependimento? 

A medicina considera a psicopatia incurável sendo tratada apenas em termos de minimizar os danos. Não precisa ser especialista em psicopatia para compreender a necessidade que temos de identificar quem sofre desse mal, pois alimentar os vícios e comportamentos psicopatas, seria armar uma armadilha para si mesmo. O que fazer? Tentar conduzir essa pessoa a Cristo, assumindo os riscos da relação, ou reconhecer nossas limitações e manter distância? 

Seriam os psicopatas pessoas "irreconciliáveis" com Deus? Foi essa palavra que busquei na Bíblia, na esperança de encontrar alguma luz ou referência sobre os psicopatas, e de fato, a palavra existe, está no livro de II Timóteo, é uma clara referência de Paulo a pessoas que devem ser excluídas do convívio:

"Os homens serão egoístas, avarentos, presunçosos, arrogantes, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios,sem amor pela família, irreconciliáveis, caluniadores, sem domínio próprio, cruéis, inimigos do bem, traidores, precipitados, soberbos, mais amantes dos prazeres do que amigos de Deus,tendo aparência de piedade, mas negando o seu poder. Afaste-se também destes. II Timóteo 3:1-5



Seria esse um atestado de reconhecimento de Paulo, de que existem pessoas tão perigosas e falsas que o melhor é manter distância e não tentar reconciliá-las, pois são irreconciliáveis?Caso contrário, ele teria recomendado que Timóteo abrigasse-os.

Confesso  não ter resposta para essa questão que vez por outra aflora em minha consciência. Ao tempo em que sinto frustração por não desvendar os dilemas teológicos em relação a psicopatia, reconheço que Deus reservou mistérios que somente cabem a Ele responder. E nisso me alegro, pois de um Deus perfeito, não pode haver injustiças.

"Pois não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não existe nada de oculto que não venha a ser conhecido." Mateus 10 26 

Na Bíblia existem personalidades que podem ser equiparadas a psicopatas: Acabe, Herodes, Jezabel, Judas. Foram pessoas cruéis e que praticaram homicídios, geralmente motivados por ganância, dinheiro, egoísmo, enfim as motivações de um psicopata nunca são nobres, são como teias cheias de veneno. 

Falamos de psicopatas que matam, mas também existem aqueles que parecem pessoas normais, praticam "delitos menores". E nesse rol, vamos encontrar também casos intrigantes como: Apóstolo Paulo. Ele perseguia e consentia na morte dos cristãos.

Recordemos de um outro ícone cristão que não está na Bíblia, mas compôs um dos hinos mais belos da história: John Newton, autor de "Amazing Grace" ou "maravilhosa Graça". Este era traficante de escravos,marinheiro, que sentiu a graça de Deus o acolher em meio a uma forte tempestade. E sendo ele mesmo livre, libertou a outros!

Não estou afirmando que John Newton era psicopata, mas como traficante, estaria arrolado entre suspeitas de tal patologia, pois é nos presídios que se encontram a maior parte dos psicopatas, é no mundo do crime que eles revelam o obscuro de suas almas. John é um exemplo de que a graça de Deus alcança pecadores.



Temos ainda o exemplo de Nicky Cruz, ex- líder de uma temível gangue em Nova York chamada de "mau-mau". Este homem foi conduzido a Cristo pelo testemunho e insistência de David Wilkerson que o confrontou dizendo: "Jesus te ama". Nick deu um soco em Wilkerson que repetiu: "Jesus te ama". E mais um soco, até que Wilkerson concluiu: "Ainda que me cortes em mil pedaços, cada parte de mim continuará a dizer que Jesus te ama".Nick não sabia o que era amor, até encontrar Wilkerson em seu caminho.

Creio que a Igreja precisa clamar para que Deus encha nossos corações de amor pelos perdidos e nos dê discernimento para sabermos a hora certa de sermos pombos e/ou serpentes: "Eu vos envio como ovelhas no meio de lobos. Sede, pois, prudentes como as serpentes, mas simples como as pombas. Mateus 10:16"

Prudente tem o mesmo significado de Sóbrio "sophronos" (strong 4996), de sozo (salvar) e phren (mente), salvar a mente, agir com prudência, de modo responsável, com domínio intelectual e emocional. 

Simples, humilde = praus (strong 4235 e 4239) Ser generoso, manso, atencioso.

Tudo é possível para Deus, Ele pode trocar corações, fazer de novo, endireitar. E quanto a nós?Somente quem convive com um psicopata,sofre ou já sofreu a ação deles para dizer quanto precisa de pomba e serpente em cada um. Somente o perdão para atuar como poderoso antídoto sem  esmorecer na vida. Enquanto iso vamos orando para que Deus nos livre do mal e para que vidas que hoje vivem na lama, nos becos escuros do pecado, se voltem para Jesus.

Deus o abençoe.

Artigos associados: Análise Bíblica sobre Psicopatia

Fontes como links no artigo e Bíblia de Estudo Plenitude ( SBB -1995)

5 comentários:

CHIICO MIGUEL disse...

Wilma, gostei de seu artigo/crônica sobre os psicopatas, ou melhor, sobre a psicopatia. E me lembrei que se a pessoa não quer salvar-se quem pode obrigá-la, se Deus nos fez todos livres?
Assim, os pecados contra o Espírito não são perdoados pelo Filho nem pelo Pai, porque é o próprio pecador que não quer perdão ou arrependimento.
Dentre esses, sem querer ser juiz, creio estarem o mais perigosos criminosos e que jamais se arrpendem. Mas, enfim, os mistérios de Deus estão acima de nós, como o próprio Senhor de tudo.
Parabéns pelo excelente trabalho.
francisco miguel de moura - escritor

Wilma Rejane disse...



Sogrinho querido,

Que surpresa tão agradável ter um comentário seu aqui no blog, vejo que estás prosperando na leitura e compreensão da Bíblia.

Obrigada,

Grande escritor.

Deus o abençoe.

As riqυєʑαs iทsσท∂ávєis ∂є Crisτσ disse...

Oi,bom dia!

Fiquei muito curiosa para saber sua posição sobre o assunto.
Li o texto com uma certa ansiedade mas não fiquei clara sobre o que você pensa quanto a salvação dos psicopatas.

A teologia não pode dizer com clareza se podem ou não serem os psicopatas salvos?

Não sei,senti que a visão teológica limitou o poder de Deus.

Sei que precisamos da revelação do Senhor sobre muitas coisas mas como fica o "vinde como estás"?

Você não sabe,mas seu texto realmente mexeu comigo.

Que o Senhor Jesus tenha misericórdia de cada um de nós.

JESUS É O SENHOR!


Wilma Rejane disse...



Olá irmã!

Claro que creio no poder de Deus para transformar quem quer que seja, por isso destaquei no artigo: " Tudo é possível para Deus, Ele pode trocar corações, fazer de novo, endireitar".

A teologia fala pouco, ou quase nada sobre esse tema, mas a Palavra de Deus é além de Teologia, confio nela.


Obrigada,

Deus a abençoe.

Marechal disse...

A questão é: Uma pessoa que sofrera traumatismo craniano na infância, e que crescera com um comportamento antissocial, perverso e bizarro devido ao traumatismo craniano, pode ser salva? Como uma pessoa que sofreu traumatismo craniano que modificou totalmente sua personalidade poderá ser salva? Alguém me responde essa? A pessoa já nasceu predestinada a ser condenada? Nota: Tive traumatismo craniano na infância e minha personalidade é muito estranha por causa disso. No mais, grato pela conversa.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...