Pelos caminhos da vida...




Wilma Rejane

“E eis que no mesmo dia iam dois deles para uma aldeia, que distava de Jerusalém sessenta estádios, cujo nome era Emaús. E iam falando entre si de tudo aquilo que havia sucedido. E aconteceu que, indo eles falando entre si, e fazendo perguntas um ao outro, o mesmo Jesus se aproximou, e ia com eles. Mas os olhos deles estavam como que fechados, para que o não conhecessem. E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós, e por que estais tristes?” Lucas 24:13-17

Dois discípulos voltavam de Jerusalém: tristes, desesperançosos, decepcionados. Jesus havia ressuscitado e eles viram apenas o túmulo vazio. Não viram Jesus. Iam conversando pelo caminho, dispostos a abandonar tudo quanto criam, afinal, não fazia sentido seguir um morto. Mas Jesus também ia por aquele caminho com eles, interessado em seus sentimentos.

E ao reler essa passagem Bíblica, me ocorreu que aqueles dois discípulos já haviam transitado muitas vezes por aquele caminho de volta a Emaús: alegres, esperançosos, confiantes. Naquele dia os sentimentos eram diferentes, pois, em Jerusalém haviam deixado sua fé no Cristo ressuscitado. Cheios de dúvidas, apoiavam-se mutuamente, ambos eram testemunhas de um tempo glorioso com endereço no passado.

Aquele caminho em Emaús é o mesmo que passamos, por muitas vezes: tristezas, desesperanças, decepções. Buscando apoiar-se em pessoas, com interrogações não respondidas, sendo  Cristo considerado  uma fábula. Apesar da descrença, Jesus estava com eles. Sua morte era um marco, não  um fim. Um começo, recomeço de algo muito maior. 

Que maravilhosa esperança nos revela essa passagem Bíblica! Jesus vive e está disposto a caminhar conosco diariamente e mesmo nos dias em que não conseguimos enxergá-lo, Ele está!

Está para dizer que as decepções, tristezas e circunstâncias adversas, podem ser superadas pela certeza de Sua companhia. Porque Ele se interessa por nós, Ele sabe das idas e vindas, dos caminhos que passamos:“Porque os olhos do Senhor estão sobre os caminhos de cada um, e ele vê todos os seus passos.”

E chegaram à aldeia para onde iam, e ele fez como quem ia para mais longe. E eles o constrangeram, dizendo: Fica conosco, porque já é tarde, e já declinou o dia. E entrou para ficar com eles. Lucas 24:28,29

Jesus, amado Jesus, vivo e ressuscitado, fica conosco! Quanta mudança houve nos pensamentos, sentimentos, convicções daqueles discípulos após ouvirem Jesus! Mudaram a direção da mente, do espírito.   Somente a Palavra de Deus tem o poder e a finalidade de fazer tal coisa.

Fica conosco! Aquele convite foi prontamente aceito por Jesus que “ia para mais longe”. Sabe o que acontece aqui, nesse trecho do diálogo em Emaús?  Se não recebermos Jesus em nossos corações, Ele prossegue, da mesma forma, irá transformar a vida de outras pessoas. 

Lembro de quão mesquinho foi meu passado sem Cristo, mas eu não me dava conta, estava convicta de que tudo ia bem. Apoiava-me em pessoas, prosseguia no caminho sem enxergar a gloriosa graça de Cristo, até que Ele me alcançou. Entendi que a ruptura com os velhos hábitos e convicções era uma necessidade. Minha morte para o mundo não era o fim em si, mas era um novo começo. Em Cristo, as perdas são ganhos.

 E, adorando-o eles, tornaram com grande júbilo para Jerusalém. Lucas 24:52

Sem Jesus naquele caminho de volta a Emaús, o destino seria miserável: idas e vindas frustradas, desilusões e enganos.  Mas lá estavam novamente os dois, passando por aquele caminho, indo e vindo para Jerusalém, felizes, cheios de esperança! Gloriosa graça, não é mesmo?

A perdida buscarei, e a desgarrada tornarei a trazer, e a quebrada ligarei, e a enferma fortalecerei. Ezequiel 34:16-

Bom saber que a limitação humana não limita a graça de Deus. Que Jesus não nos abandona nos momentos de tristezas e decepções. Que mesmo quando a fé é abalada, Ele permanece fiel,  como bom pastor a cuidar do rebanho, Ele busca resgatar a ovelha ferida colocando-a sobre os ombros. Foi isso que Ele fez com aqueles discípulos no "caminho de volta a Emaús" , é isso que faz com seus filhos.

Deus nos abençoe, em Cristo.

*******

Outro artigo do blog sobre Emaús:

Jesus e os discípulos a caminho de Emaús

4 comentários:

Maurício de Souza Lino disse...

Caríssima, saudações fraternas em Cristo! Como é bom ter o Companheiro de Emaús conosco, todos os dias! O dia se vai... a noite se aproxima... precisamos da Luz do mundo,para não andarmos nas trevas da corrupção, da mentira,da falsidade... do pecado. Como é bom, doce e salutar ter Jesus, como nosso amigo de todas as horas. Verdadeiramente, quem tem o Filho, tem a Vida, vida abundante, vida plena, vida de qualidade; e quem não tem o Filho de Deus, Jesus, não tem a Vida, mas vive na escuridão, na tristeza, no desespero. Que o Senhor da Luz, da Vida, de Emaús, caminhe sempre conosco. Paz fraterna!

Hilda's Bordados disse...

Bom dia! Bom domingo para você e sua família! Vim bordar este recadinho para vocês me desculpando pela ausência. Estou confeccionando adereços para o carnaval e em breve publicarei novidades para vocês!
Abraços em todos, beijos no <3
Fiquem com Deus
♥Hilda's Bordados♥

Wilma Rejane disse...


Saudações fraternas em Cristo, Maurício!


Jesus, fica conosco, caminha conosco, enche nossos corações de alegria, nosso lar de amor, ceia conosco. Jesus Tú És tudo para nós, o melhor na vida e na morte.

Paz fraterna!

Wilma Rejane disse...



Olá Hilda!

Obrigada, irmã.

Deus a abençoe.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...