Sobre a "Varíola dos Macacos" e a parábola da viúva persistente

 


Wilma Rejane

Olá queridos leitores, tudo bem?

Vamos conversar um pouco sobre o cenário mundial e a volta de Jesus Cristo? Me permitam escrever sem a pretensão de elaborar um estudo Bíblico, devocional ou algo do gênero, escrever apenas como um diálogo de impressões pessoais sobre presente e futuro. Embora sendo um diálogo, sem pretensão de estudo teológico, gostaria de fundamentar nossa conversa em um versículo Bíblico:

"Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o filho do homem, porventura achará fé na terra? Lucas 18:8

O versículo do Evangelho de Lucas, se refere a parábola da mulher viúva que dia e noite implorava para que um juiz incrédulo e desonesto julgasse sua causa de forma favorável. Mesmo sem conhecer a viúva, por causa de sua insistência, o juiz a ouve, concedendo-lhe ganho de causa.

A parábola contada por Jesus é finalizada com uma interrogação:  E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles? Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra? Lucas 18:7,8.

Fato é que estamos no tempo em que os juízes iníquos e sem fé em Jesus Cristo, governam este mundo, dando curso a uma agenda global que culminará na implantação de um governo mundial, cumprindo dessa forma o que está escrito nas Escrituras (Apocalipse 13).

A insistência da viúva em procurar o juiz está relacionada à necessidade da igreja em não desfalecer, mas permanecer em oração constante para que a justiça seja cumprida tanto na terra como no céu (Mateus 6:9-13).

Por que Jesus adverte sobre a falta de fé nos últimos dias? O que estaria ocorrendo nesse período a ponto de as pessoas não mais buscarem a Deus?

É sobre esse ponto especificamente que pretendo explorar e tornar claro, a fim de alertar aos que ainda não perceberam a existência de um esforço orquestrado para desacreditar a igreja e os cristãos. 

Os esforços para desacreditar a igreja, começaram de forma mais intensa com a eleição americana para presidente no ano de 2020, o que coincidiu com a chegada das restrições mundiais contra Covid19.

Houve uma "enxurrada' de profecias afirmando a reeleição de Trump, o que não ocorreu, com isto, muitos que se diziam profetas caíram em descrédito, consequentemente, a igreja, em especial a pentecostal, foi alvo de vergonha. Em seguida vieram as profecias de que as vacinas contra o covid19 seriam a Marca da besta.

Confesso que sempre acreditei nas vacinas como algo perverso, instrumentos de morte física e espiritual, o que para alguns pode parecer um devaneio. Contudo, passados alguns meses da aplicação de tal experimento, tenho reforçada minhas convicções pelos seguintes motivos:


1- O aumento de mortes súbitas, e de doenças cardíacas se elevaram sobremaneira após as injeções experimentais, é fato.

2- O desenvolvimento de casos de hepatites em crianças e adolescentes, estão vindo à tona como tendo "origem misteriosa". Contudo, a hepatite figura na bula das vacinas como "efeito adverso". A mídia para omitir tal fato e descartar qualquer possibilidade de relação com as vacinas, relata casos de hepatite em bebês não vacinados. Ora, as mães se vacinaram e os bebês sentem agora os efeitos.

3- "vacinas podem afetar o espírito"? Que afirmação absurda!

Nenhuma vacina terá o poder de afetar o seu e o meu DNA, Deus tem toda a chave da vida e da morte, somente a Ele cabe essa configuração, repito: nenhuma vacina tem esse poder. Desde o inicio da vacinação publiquei que "Não era a marca da besta", mas "pavimentava" o caminho para tal.

Voltemos a questão da vacina afetar a alma,os sentimentos, de que forma isto acontece? Perguntei insistentemente a Deus porque havia sonhado com esse fato de "vacina afetar corpo e alma". as respostas vieram de forma gradual. 

Quando uma pessoa falece por suicídio, nenhum de seus órgãos são reaproveitados para transplante, existe na medicina um código ético de não doar órgãos de suicidas para que o receptor não seja afetado pela dor e agonia da morte provocada pelo doador. É a ciência reconhecendo que o procedimento de transplante utilizando órgãos de suicidas, pode provocar mudanças nos sentimentos ( alma) dos receptores.

No caso da vacina covid19, ela foi elaborada a partir de fetos abortados, isto não é uma teoria, você pode conferir acessando o artigo na Revista virtual National Geographic, intitulado; " Conheça os fatos sobre linhagens de células fetais e contra Covid19". E da mesma forma que os órgãos dos suicidas podem provocar efeitos emocionais nos receptores, os materiais geneticamente modificados presentes nas vacinas,  através de fetos abortados, também podem provocar agonia, depressão, pavor  e outros sentimentos nos receptores. 

Por que será que inúmeros países da Europa estão agilizando suas agendas pró-aborto? Para produzirem mais e mais vacinas diante das epidemias que estão acontecendo e que estão por vir. Mal começaram os casos de varíola e já estão anunciando mais vacinação: "Moderna inicia testes contra varíola dos macacos". São as vacinas "pavimentando " o caminho para a Marca da Besta, pois, promovem monitoramento e controle, a exemplo do que acontece em Xangai atualmente.

Contudo, diante da afirmação das vacinas afetarem a alma e o corpo, existe também a afirmação de Jesus de que nenhuma dessas coisas afetará aqueles que verdadeiramente o seguem:

E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo. Mateus 10:28.

Esclarecidos esse pontos, prossigo no raciocínio do movimento de desacreditar a igreja, intensificado na eleição americana de 2020.

Tivemos a "enxurrada" de profecias sobre a reeleição de Trump, sobre as vacinas serem a Marca da Besta, sobre o vulcão em erupção nas ilhas Canárias provocar Tsunami no Brasil, devastando as cidades litorâneas, o que também não aconteceu. E no momento, com o inicio dos casos da "varíola dos macacos", há inúmeras notícias relacionando tais casos com a comunidade homoafetiva, o que não procede! Esta é mais uma estratégia para desacreditar a igreja, fazendo surgir contendas e "profecias" contra os homoafetivos, de tal forma que passem a odiar os cristãos. Já existem rumores entre os evangélicos de que a " varíola dos macacos" veio para aniquilar as práticas de homossexualidade.

A varíola nunca foi restrita a uma comunidade, ela pode ser adquirida por qualquer pessoa, sem distinção de raça, cor, classe social ou sexualidade. O que precisamos fazer é orar e santificar nossas vidas diante de Deus, é interceder pelos homoafetivos e por todos os que ainda não conhecem a graça e o amor inigualável de Jesus para que estes venham ao arrependimento e salvação.

Amados leitores, são essas as impressões que faço sobre o tempo presente e a volta de Jesus. Estamos vivendo tempos muito trabalhosos, o cenário mundial se mobiliza para receber o anticristo e nós recebermos o autor da nossa fé, esperança e salvação: Jesus Cristo, leão da tribo de Judá, que despedaça a presa! A parábola do Juiz iníquo e da viúva, aponta para um tempo em que a fé se esfriará, a viúva é a representação da igreja sem fé, sem esperança que recorre aos homens para que a justiça aconteça. A viúva é como a igreja que já não acredita na volta do Noivo prometido para selar o casamento eterno (Isaías 61:10). 

As falsas profecias sempre existiram, contudo, com a globalização e fácil acesso às informações, elas se propagam muito mais rápido e com a ajuda de líderes incrédulos e astuciosos, o mundo vai ganhando forma para aceitar o anticristo. Com uma igreja desacreditada, desgastada, as pessoas se tornarão muito mais susceptíveis ao engano. É hora de termos cautela diante dos acontecimentos, pois a mentira reina em toda parte.

Sigamos confiantes em Deus, suplicando por discernimento nesses dias de tantos enganos.

Que a paz e o amor de Jesus Salvador esteja conosco, hoje e sempre!

3 comentários:

Junior Melo disse...

Irmã Wilma, seu BLOG é uma bênção, SEus textos são inspirados pelo Espirito Santo e nos inspiram a alma .Deus seja louvado. A vacina da variola dos MAcacos, sem ´duvida, é mais uma tática dos globalistas para o controle social cada vez mais proximo no mundo. O Anti Cristo está quase a entrar em cena..

Wilma Rejane disse...

Olá irmão Júnior,

Estamos vivenciando tudo que está nas Escrituras, as profecias se cumprem e é tempo de buscarmos mais do que nunca o dom do discernimento de espíritos porquê o engano e a maldade estão em proporções terríveis.

Deus nos livre!

Muito obrigada por comentar, por nos fazer companhia. Abençoado sejas, em nome de Jesus Cristo.

Anônimo disse...

Graça e Paz, muito bom seu artigo a sim como o covid, atantes de se espalhar eu procurei saber mais hein outros site nao brasileiros, agora esta nova onda vejo seu artigo como um alerta la vemos nos mais uma vez que de Deus nos fortaleça para esta nova onda de mentiras.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...