domingo, 1 de maio de 2011

A Sunamita II Reis 4:8-37






Wilma rejane


Essa história sempre me chamou muito àtenção: "Uma mulher que em meio a mais terrível dor (morte do filho) demonstra tranquilidade e fé". A Bíblia sequer menciona o seu nome, apenas chama-a de "sunamita", uma referência a cidade de Suném, onde morava. Suném quer dizer: "lugar de repouso". Localizada a sudeste do mar da Galiléia, entre os montes Gilboa e Tabor, na planície de Jezreel é herança da tribo de Isaacar.

O profeta Eliseu exercia seu ministério por lá quando foi notado pela sunamita: "Eis que este é um santo homem de Deus". Uma mulher, de discernimento. Eliseu torna-se hóspede dela. Como forma de retribuição, o profeta quis falar com o rei, a fim de lhe conceder favores. A sunamita, repondeu: "Eu habito no meio de meu povo"(II Reis 4:13), ou seja, "sou feliz neste lugar, não necessito de mais riquezas, me agrada o convívio com o povo". Eliseu, então, pede a Deus que lhe dê um filho.

Deus, em resposta a oração de Eliseu, realiza o desejo do coração da bondosa mulher. Seu filho já crescido, morre de uma dor de cabeça muito forte. Alguns teólogos, dizem que foi acometido de insolação já que passara muito tempo no campo, segando com o seu pai ( II Rs 4: 18-20)

O que fez a sunamita?

Chorou desesperadamente, lamentou, se revoltou contra Deus. Não!! Ela deitou o menino no quarto de Eliseu, reuniu os empregados, preparou jumentas e foi até o Monte Carmelo ao encontro do profeta. Seu marido estranhou:"Por que vais a ele hoje"? Ele nem imaginou onde chegaria a fé da sunamita. Sua resposta beira os limites do incompreensivel:"Tudo vai bem" Como?com o filho morto? "Tudo vai bem" Suas atitudes demonstram auto controle possível apenas em estado de total equilíbrio emocional, ou seja, ela não ficou desesperada.

Tribulações em Suném:

Você, já passou por algo parecido? Recebeu uma promessa de Deus, e viu essa promessa morrer? A sunamita, nos aponta um caminho: "Tudo vai bem", quando cremos em um Deus, que do pó, cria e recria a vida. Por mais difícil que pareça, é preciso repousarmos em "Suném". Acreditarmos que Deus quer o melhor para aqueles que obedecem e acreditam. Nos momentos mais tenebrosos, de escuridão, que não conseguimos enxergar o futuro. Como se diante de nós houvesse, um grande abismo, sem ligação, com o a esperança, com a felicidade, é preciso, repousar. Agir, de forma surpreendente. Não com a nossa frágil e pequena força. Mas, com a força, vinda do alto, disponível para os buscam com todo o coração:

"Quando andar em trevas, e não tiver luz nenhuma, confie no Nome do Senhor, e firme-se sobre O seu Deus" Is 50:10

"Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais, então me invocareis, e ireis e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração" Jr 29:11-14.

Encontrar o Senhor, eis a maior dádiva: Ouvir do céu, uma resposta. Nem sempre, recebemos o que pedimos, porém, Deus é sábio, para nos conduzir ao melhor lugar. Aos que conhecem a Deus, o conforto de saber que Ele sempre, sempre quer o melhor para seus filhos. O justo Jó, sofreu os mais terríveis males. Perdeu todos os filhos. No final, a restituição. Deus, zela, ama, e restitui. O diabo, rouba, mina. Deus vem e vivifica, faz transbordar, esta é a herança preparada para os filhos do Reino.

Que possamos nos espelhar neste grande exemplo de fé da sunamita. Deus nos abençoe.

Por:Wilma Rejane
Citações:Biblía Sagrada

23 comentários:

JOAO NUNES disse...

A respeito desse episódio narrado no segundo livro dos reis, capítulo quarto, tem-se que, o maior presente que Deus havia dado à mulher tinha expirado, cessando a alegria de um lar. Acho que a tormenta psicológica iria acompanhar aquela casa. Mas a vontade de Deus é que a nossa alegria seja completa. O profeta foi até o quarto do menino, fechou a porta após si, certo de que o DEUS que fere é o Deus que sara, e Ele tem poder para tirar a vida e também restituí-la. Por fim, um milagre extraordinário aconteceu. E eis o menino sendo entregue vivo à sua mãe. Glória a Deus!!!

Wilma Rejane disse...

João,

enriquecedor seu comentário. Deus o abençoe. Serás sempre bem vindo.

Gisele disse...

maravilhosa história de fé,confiança,modelo que serve para todos os Cristãos,principalmente nos dias atuais,onde a ansiedade e o medo querem influenciar nossas vidas.

gislaine disse...

E não foi só isso,no cap 8 do mesmo livro,vemos esta mulher receber a recompensa de tamanha fé bem citada no texto acima pela wilma,como é maravilhoso confiar em Deus!

dientlerman13 disse...

Bença Pura um site completo, dificil de se achar...

Gabriela Campos disse...

Seu post me ajudou muito em um trabalho para a igreja. Tenho só dez anos, mas quero ser uma bênção quando crescer igual a você!

Rev. Ivan Pereira Guedes disse...

Quero parabenizá-la pelo bom artigo e pelo excelente blog. Seus textos são limpos e diretos sem perder a graciosidade. Que Deus continua a te usar grandemente!

Reginaldo Itaberaba-Ba disse...

Graça e Paz seja com todos! De fato, o texto e contexto da história dessa mulher, nos coloca em estado de alerta quanto aos sublimes planos de DEUS.
A confiança dessa mulher no DEUS VIVO, revela o quanto precisamos nos desprender da visão humano e terrena que temos quanto aos fatos que nos rodeia.
A verdade é que como essa mulher, devemos ir sem duvidas alguma ao encontro da resposta da nossa bençao. Que eu e você possamos confiar incondicionalmente nesse DEUS que TUDO PODE.
Shalom

Anônimo disse...

Deus é fiel em todas as suas promessas. O bem estar daquela mulher (sunamita) não estava condicionado a uma situação de ordem externa, mas ela cria que o Deus que dera o seu filho poderia ressuscitá-lo.

Zelito disse...

Deus sabe tudo que iremos precisar daqui a pouco ou daqui a vários anos. Houve em Suném um período de grande seca, 7 anos de fome e sede. Avisada pelo profeta Eliseu, a sunamita sai e vai peregrinar na terra dos Caudeus.
Ao retornar encontra suas terras invadidas, sua casa ocupada, outros haviam se apossado de tudo que lhe pertencia e recusam-se a lhe devolver. Ela decide recorrer ao rei, naquela época o rei certamente não receberia qualquer um, principalmente em se tratando de uma mulher.
Quantos falaram “você vai perder seu tempo, o rei nem se quer lhe receberá”, mas ela com a mesma fé no Deus do profeta decide ir.
Na obra de Deus não há coincidências, justamente na hora que ela vai ao rei, este está com Geazi o moço que acompanhava Eliseu em suas andanças, e lhe pede: “conta-me os milagres realizados por Eliseu. Muitos milagres fizera, mas Deus trouxe à mente exatamente as obres feitas com a sunamita.
Ao terminar de contar os milagres do nascimento, morte e ressurreição da criança, ouvi-se uma voz que clama “ó rei ajuda-me”, o rei certamente olha com ar de repreensão, mas Geazi, exclama “ó rei, esta é a mulher, e este é o moço”.
O rei interroga a mulher, ela confirma os milagres e lhe conta o que houve com os seus pertences. O rei então determina a um eunuco da guarda que acompanhe a mulher e lhe restitua tudo que antes era dela e que tudo quanto alguém produziu em suas terras, lhe seja entregue.
Glória a Deus! As adversidades da nossa vida acontecem para uma obra mais a frente, aquela criança não morreu só para se ver o poder que Deus emprestou ao profeta, foi para que neste dia a sunamita encontrasse graças aos olhos do rei. Deus transforma nossas provas em bênçãos, a tua prova hoje será uma grande benção de Deus na tua vida mais a frente, tão somente creia em Deus e creia também em Cristo Jesus, Aleluia!

Anônimo disse...

Miguel Rodrigues de Moraes,este texto como o Espíto Santo inspirou,a irmã é muito rico,e que nos mostra uma mulher dando-nos exemplos de que como um casal deve ter unidade até na vida financeira,pois segundo estudiosos,a riqueza pertencia a sunamita,e não ao marido,mas vemos ela dissendo ao seu marido façamos,um quarto obra de pedreiro e ponhamos,ela não fazia nada sozinha e muito menos passava por cima do seu esposo,infelizmente hoje em dia o que temos presenciado são mulheres que trabalham,e possuem uma vida finaceira independente,pois trabalham e não dão satisfação aos seus maridos,quando vão comprar e fazer alguma coisa até mesmo para casa,pois dizem o dinheiro é meu eu que acordo cedo e trabalho,então meu marido não tem nada a ver com meu dinheiro,mas essa sunamita deixa um grande exemplo para as esposas independentes financeiramente para comunicar ao seu esposo,mostra-nos também,como o marido era compreensivo.

Pra.Shofar disse...

Palavra abençoada!!!
Fui muito edificada!
Deus te abençoe sempre!
Será uma honra recebe-los em meu blog.
ja sou sua seguidora!
abraços
meu blog é: http://pastorailmashofar.blogspot.com/

mateus disse...

gostei muito deus abenoe vcs

Anônimo disse...

Ler essa passagem e os comentarios de vcs, me ajudou a enchergar a situação q to vivendo com o coração e amor, muitas vezes somos egoístas em querer alguém do lado e o plano de Deus é outro, ele já escreveu o caminho e temos q enfretar com muita fé o momento difícil que passamos... Deus abençoe!

Deus disse...

que Deus posa estar sempre abensoando todo mundo.Amem

Ellus Produções Ltda disse...

Estou preparando um trabalho para minha igreja sobre Buscar Ajuda, como referencia biblica temos 2 Reis 4:16-17. E com toda certeza, esta postagem e esses comentarios inspirados pelo Espirito Santo de Deus me ajudaram muito, Deus abençõe ricamente amados irmaos em Cristo. Paz de Deus

Ênio Torres disse...

Querida wilma e leitores,
Uma cisa me chamou a atenção neste texto, o fato que segundo a lei, se alguém tocasse em um morto estaria impuro por determinado tempo, como visualizar o fato do profeta eliseu para reviver o menino ter feito o que fez?
att.
Ênio Torres.

SANDRA RAQUEL disse...

A MINHA MÃEZINHA ESTAVA NO LEITO DE UM HOSPITAL E EU E MINHA IRMÃ LEMOS ESSA PASSAGEM DA SUNAMITA PARA ELA ELA MESMO EM COM MUITO CANSAÇO EM SEU PEITO(POIS ELA ESTAVA COM UM PROBLEMA NOS PULMÕES) FICOU ATENTA Á LEITURA DA PALAVRA E PERGUNTOU-NOSCOMO ERA MESMO O NOME DA MULHER? E NÓIS RESPONDEMOS:SUNAMITA MAMÃE.ELA FALOU-NOS AINDA, "DEIXA EU VER O NOME DELA" NÓIS PRONTAMENTE MOSTRAMOS OS SEUS OLHOS BRILHAVAM,ELA ENTEDEU A MENSAGEM DAQUELA LEITURA .SEIS HORAS DEPOIS DEIXOU-NOS PARA IR MORAR NA GLÓRIA E NÓIS NAQUELE MOMENTO FICAMOS IMAGINANDO NO ENCONTRO MARAVILHOSO QUE ELA TEVE ALÍ COM AQUELA MULHER DE FÉ E ESPERANÇA.

STEFANNY disse...

QUERIA PARABENIZAR VÇ PELA SUA VISÃO QUE EU CREIO QUE FOI DEUS QUE LHE DEU COMO DOM DEUS ABENÇOE
NUNCA SE AFASTE DESSE CAMINHO MARAVILHOSO QUE É O DO SENHOR

Jose Franco disse...

Perdi minha esposa com câncer no colo do útero mais não perdi a minha fé,quando eu levei ela ao pronto socorro enquanto os medicos tentavam reanimar ela eu estava junto orando e expulsando todo espirito de morte,enquanto eu orava não senti que ela iria voltar e veio neste momento em meu coração que a tempo de nascer e tempo de morrer e ela morreu no centro da vontade de Deus.levita da casa do Senhor.

Anônimo disse...

Olá querida Wilma obrigada por nos enriquecer com interpretações tão profundas dadas pelo Espirito Santo.Continue nos ajudando com suas palavras maravilhosas aqui nesse estudo vi uma situação que passei e me derramei de chorar pq se eu tivesse visto isso antes eu tinha poupado sofrimentos, mas graças a Deus que me trouxe de volta.Deus a abençoe e continue fazendo postagens maravilhosas.

rinaldo disse...

estava procurado uma palavra para ministrar em minha igreja quando encontrei esta mensagem da sunamita Deus testificou em meu coraçao.A paz de Deus no coraçao detodos vcs.parabens pelo blog irmao Rinaldo debique (ieq)

liza lima disse...

palavras ricas essas minha amada irma,fico grata .abraços

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...