Pedro e a fogueira das vaidades

 

Enquanto isso, Pedro estava em pé, se aquecendo, quando alguém lhe perguntou: “Não és, tu também, um dos discípulos dele?” Pedro nega dizendo: “Não, eu não sou!” João 18:18

Wilma Rejane

Era uma noite fria e triste para os discípulos de Jesus. Pedro observava de longe os acontecimentos, estava assustado e surpreso com o desfecho da prisão de Jesus. Logo Pedro que havia jurado dar a vida por Jesus (João 16:37), agora o negava. Ao redor da fogueira, Pedro se aquece e camufla sua verdadeira identidade por temer ser também perseguido e morto. È provável que o discípulo tenha se arrependido posteriormente, pois ao ressuscitar, Jesus o busca, o perdoa e aquece seu coração definitivamente! 

Deus falou comigo através dessa passagem da fogueira de Pedro. É chegado o tempo em que os verdadeiros discípulos de Jesus serão perseguidos, necessitando renunciar ao mundo ou a Cristo. Naquela noite fria Pedro escolheu se aquecer à beira da fogueira, ele não queria ser rejeitado pelos homens, não queria sofrer, não queria ser reconhecido como discípulo, enfim não queria enfrentar a solidão que os verdadeiros discípulos estão predestinados a enfrentar. 

Estamos no mundo, mas não pertencemos a ele (João 17:14) e a maior riqueza que temos é ter acesa no peito a chama do Espírito Santo, a presença Divina que nos guia em todos os momentos da vida bons ou maus. Jesus nunca, jamais, abandonará seus verdadeiros discípulos, é Ele e somente Ele quem nos aquece nas noites densas e frias. Muitos negarão a Jesus nos últimos dias por não suportarem as dificuldades que sobrevirão ao mundo; pestes, fomes, perseguições, desemprego, opressão, desastres, dentre outros (Mateus 24). Contudo, a principal mensagem do Evangelho é: " Me obedeçam, me escutem, me sigam e estarei com vocês até o fim do mundo" (Mateus 28:20).

Esse mundo terá um fim,  será abalado, apesar de tudo, a graça de Deus estará operando por meio da fé e da obediência a Jesus. 

Amados irmãos, vocês já perceberam o quanto a ciência está sendo exaltada ultimamente? O quanto estão sendo perseguidos e escarnecidos os que se negam a tomar vacina? Desde o inicio escrevi por aqui e falei para os mais próximos que as coisas não voltariam mais ao normal e que o tempo é de arrependimento e oração. Estamos presenciando uma transformação definitiva na sociedade e não sabemos quanto tempo levará para instalação definitiva de um governo mundial, mas a largada já foi dada e estamos caminhando para isso (Apocalipse 13).

É tempo de acordar nas madrugadas para orar, é tempo de santificar. É tempo de observar que os sinais estão se cumprindo e se tornando frequentes. Amados irmãos, não falo para impor temor, longe de mim! Falo com regozijo porque nossa redenção se aproxima, aleluia! Jesus virá e toda lágrima será enxugada de nossos rostos, glória a Deus!

É hora de pensarmos se o que nos aquece é a fogueira das vaidades ou o fogo do Espírito Santo. Na fogueira das vaidades, estaremos como Pedro; buscando aprovação do mundo, negando a Cristo, seguindo o curso do pecado.  Aquela fogueira que aqueceu a Pedro, virou cinzas, as pessoas se dispersaram. Assim será com esse mundo mal que vivemos, será consumido pelo fogo:

Ora, por intermédio da mesma Palavra, os céus e a terra que hoje existem estão também preparados para o fogo, reservados para o Dia do Juízo e para a total destruição dos ímpios. II Pedro 3:7

Entreguemos nossas vidas e anseios a Jesus Cristo e Ele será fiel para nos guardar de todo o mal. É Jesus que nos dará força para vencer e direção para seguir nesses tempos difíceis. 

Deus os abençoe, em nome de Jesus!

Um comentário:

Paulo Rogerio disse...

Paz irmã 🙏🏿. Lindo comentário é ótima inspiração para meditar na palavra

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...